segunda-feira, 18 de maio de 2015

A Festa Limite da Ousadia serviu para testar o limites do liberais que bateram todos os recordes de ousadia no swing e menage!! Neste sábado a Festa da Mini Saia vai encher nossos olhares de cobiça! Vem com tudo!!


Muitos casais e singles estiveram conosco no último sábado na Festa Limite da Ousadia testando os seus próprios limites, realizando suas fantasias com ousadia e se divertindo animadamente com uma boa dose de picardia na festa liberal mais apimentada do Rio.

Prezamos sempre pela qualidade, selecionando os participantes da festa que é fechada evitando assim o ingresso de "franco atiradores" e "casais armados" que nada tem haver com o nosso meio, mas buscam estar nessas festas para satisfazerem sua curiosidade e quem sabe se darem bem!

Não devemos confundir curiosos com interessados, embora ambos tenham curiosidade quanto ao que acontece e como nessas festas; mas a diferença é que os interessados são aqueles que buscam saber sobre, se informam, pesquisam e quando decidem ir numa festa, já tem uma boa ideia do que vão encontrar e até o que buscam ao estar nela.

Fantasias todos nós temos, mesmo você que jure de pé junto que não tem, e estar numa festa dessas vai ajudar você entender não só as suas próprias fantasias e desejos, como também as de outras pessoas. Além de toda segurança, privacidade e discrição, oferecemos muita diversão num ambiente sensual sem nenhuma obrigação de fazer algo!

Começamos a festa pontualmente as 21:30 com tudo absolutamente limpo, arrumado e cheiroso, com os ambientes privativos e coletivos devidamente preparados para satisfazer a todo tipo de gosto e de fantasia.

A boate é o "start" da festa, onde as pessoas se reúnem para beber, dançar, assistir aos shows, se divertir e se relacionar com outras pessoas; o ambiente é leve, tranquilo e totalmente liberal, mas mesmo assim sua esposa pode ir ao banheiro sem que nenhum homem a importune e até dançar sensualmente sem o risco de algum engraçadinho chegar colocando a mão nela. Costumamos dizer que nossa festa é muito mais tranquila que uma balada "normal" onde os homens dão em cima das mulheres mesmo sendo elas casadas.
A primeira atração da noite foi o stripper Felipe Brandão que entrou vestido de bombeiro para mexer com o imaginário feminino; fez sua performance com as bandeiras e logo em seguida desceu à pista para um primeiro contato com a mulherada presente.

Na pista tirou parte de sua vestimenta, e ao voltar para o palco tirou a camisa, sempre exibindo sua boa forma e físico privilegiado, dançou uma coreografia bem marcada que arrancou os gritinhos das calcinhas de plantão.

A expectativa da segunda parte do show é sempre muito grande e aguardada com demasiado interesse por parte da mulherada presente.

Mas antes disso, nosso stripper volta para a pista e interage com as incautas e as mais espertas que ficam a espreita e a espera de nosso artista passar assim bem pertinho delas.

As mais sortudas recebem uma atenção toda especial, dançam coladinhas, recebem sarradas que denunciam o que todas só poderão ver quando ele estiver lá no palco; elas retribuem com apertões e alisadas se deliciando com tudo isso.

De volta ao palco, Felipe faz suspense, pede a manifestação da mulherada e quando menos se esperar tira todo o estante da roupa, para o deleite delas.

Na sequência entra Agatha a ninfeta loirinha mais gostosa do swing carioca, para o delírio e forra dos cuecas que foram obrigados a ver a mangueira do nosso bombeiro que abriu os shows dessa noite.

Agatha entra com uma enorme capa preta que cobre todo seu corpo até os pés, dá algumas voltas pelo palco enquanto desabotoa a capa e quando a tirar nos surpreende com um lindo shortinho também preto por sobre algo que nos parece um body.

Ela executa alguns passos, rebola pra cá e pra lá, nos instiga e desce para a pista para aquele momento tão aguardado por todos.

Por todos, porque ao contrário da interação com o stripper masculino, agora tanto mulheres e homens se aproveitam da oportunidade de estar bem pertinho da nossa linda stripper e tirar algumas casquinhas.

Ela circula por quase toda boate, olha, se insinua e interage com vários homens e mulheres, se esfregando e bolinando com os contemplados ao mesmo tempo que recebe deles as suas mãos percorrendo seu corpo tenro e malhado.

A brincadeira dura vários minutos, o clima é sensualmente quente, e o imaginário de cada um viaja por pensamentos eróticos e apimentados.

Ela volta ao palco, dança e se exibe para o deleite dos voyers mais exigentes; cria no ar a expectativa do que pode estar por de trás daquele minúsculo body que ainda cobre suas partes mais intimas.

Fazendo acrobacias na barra do pole dance, nossa stripper vai desamarrando o body de seu corpo até conseguir solta-lo completamente e tira-lo com toda sua graça e beleza.

Assim nua, completamente nua do jeito que veio ao mundo, Agatha encerra sua apresentação com requintes de crueldade e exibicionismo explícitos, deixando a todos com muito desejo e tesão.

A festa rola na boate ampla e confortável sob o comando do deejay Finno e com participações de deejay Vinícius, sempre agitando e animando a galera que corresponde de maneira sempre sensual.

Lindas mulheres de todos os tipos se entregam ao ritmo que rola durante toda a noite e nos encantam com sua ousadia e com seus atributos que enchem nosso olhares de desejo e cobiça.

Algumas são mais tímidas, outras mais ousadas, outras mais descontraídas, mas o fato é que todas elas juntas iluminam e embelezam a nossa festa durante todo o tempo.

O clima leve e ambiente selecionado da festa, atrai cada vez mais casais para as noites de sábado na Las Vegas, onde oferecemos além de conforto, segurança e higiene; a possibilidade de se divertir com atrações e entretenimento de qualidade.

Trabalhamos com os ambientes da casa todos liberados desde sua abertura para maior conforto e liberdade dos frequentadores, não confinamos ninguém na boate, e mesmo assim é comum ver o espaço sempre cheio na hora dos shows.

Sinal de que a galera quer além de sexo, quer diversão e arte!!

Então juntamos num só momento, diversão e arte, com apresentação do show de música ao vivo com o cantor Henrico, mais uma atração de arrebentar em nossa festa.

Henrico agrada a todos com seu talento, carisma e simpatia; além de seu repertório variado e eclético que permite ouvirmos e dançarmos um pouco de todos os ritmos.

Além dos mais variados sucessos nacionais e internacionais, ainda podemos nos deleitar com o melhor e com os maiores sucessos de hoje, de ontem e de sempre!!

Artista completo, Henrico envolve a plateia com sua fácil comunicação e interatividade, deixando todos a vontade num perfeito clima de alto astral e muita alegria.

Além de interpretar o que há de melhor, Henrico ainda canta seus mais recentes sucessos, como "Vai ou Racha" de sua autoria, e a recente regravação da música "Primeiros Erros" com uma deliciosa batida de eltro-funk que contagia a todos.

Aliás, o clipe desta música feito em homenagem aos anos 80, pode ser visto no youtube, bastando pesquisar "henrico primeiros erros".

Além de tudo isso acontecendo no nosso palco, ainda rola uma gosta brincadeira que envolve a mulherada presente na festa; umas são habitues e adoram participar, outras são estreantes, estão pela primeira vez na festa e nem imaginam o que vai acontecer ali.

O fato é que convidamos a mulherada para subir ao palco par dançar com Henrico, enquanto fico na pista chamando e incentivando as pretensas interessadas, ou solicitando aos maridos que permitam que elas participem.

Várias sobem ao palco, esposas e solteiras lá em cima enquanto nós simples mortais ficamos na pista, só observando e curtindo o que acontece.

Nesta segunda parte do show, Henrico coloca cada uma das "Henriquetes" como já são conhecidas, para dançar sensualizando para seus maridos e toda a galera que as assiste.

Isto é feito ao som da batida do funk para dar aquele clima, e sob o comando do próprio Henrico que dedica a cada participante, uma rima improvisada ali mesmo e peculiar a ela.

Algumas são surpreendidas pela brincadeira, relutam um pouco, mas acabam entrado no clima e executando aquilo que a rima manda, fazendo assim que cada uma tenha seu minuto exclusivo de fama.

Na pista a plateia vai abaixo assistindo a tudo com olhares compridos e gulosos, curtindo e incentivando cada uma delas, ao mesmo tempo que as parabenizam aplaudindo cada evolução.

Os maridos orgulhos assistem a tudo sem acreditar que suas esposas estão ali fazendo tudo aquilo diante de centenas de pessoas, a maioria desconhecidas, e fazendo todo aquele sucesso.

É um momento de total descontração, permitindo que as pessoas interajam e se comuniquem enquanto conversam e comentam sobre o que está acontecendo lá no palco.

As voluntárias aproveitam a oportunidade e vão se soltando mais e mais cada minuto que passa com o encorajamento da plateia presente que assiste a tudo na maior animação.

Até quem está em outra vibe e circula entre o labirinto e os corredores de suítes passando pela boate, em busca de um vuco-vuco, param e aproveitam para se deliciarem com a apresentação dessas mulheres maravilhosas.

A brincadeira termina após uma a uma, todas dançarem e se exibirem para os maridos e todos os presentes, e melhor, após vencerem brincando os seus limites com muita ousadia.

A partir daí deejay Finno reassume a pista e coloca a mulherada para balançar o tamborzão ao som daquele set de funk que elas adoram dançar e a gente adora ver ali bem de perto o que elas fazem.

Os ambientes íntimos ficam mais concorridos com a maior movimentação dos que estavam na boate e agora buscam participar de algum vuco-vuco ou mesmo curtir privativamente seus desejos.

O terraço recebe os fumantes e os que curtem uma resenha ao ar livre, enquanto outros permanecem na boate dançando e comas mulheres usando o pole dance para dançar sensualmente e nos seduzir a todos.

Assim a festa rola madrugada a dentro, com a galera saindo aos poucos, extasiados e satisfeitos com mais uma noite de diversão, babados e vuco-vucos.

Agradecemos a todos pela presença e por mais esta festa maravilhosa, deixando um chamego para os que além da presença, ainda nos permitem fotografar e divulgar seus "nicks" e imagens, o que sempre facilita a interação e nos ajuda a divulgar a festa.

Foram eles os Casais Sensação, Perfumado, Stylus, Iniciantes33, Fênix Bi, WE, Solar, Bruna Santos, Maskavo, Viva, Playboy, Faz Nada, Sexy, Nades e Paty, VX, Re Ruiva, Sr. e Sra. Lima, Fami, Paulo e Dyana, Marlurio, Pampolha, Juiz de Fora e Fulgaz; Os Solteiros(as) Luiz SPRJ, Nego Amigo, Sapekinha, Juju, Pantera e Penélope Charmosa.

Beijos ardidos

Para este sábado 23 de maio, preparamos a Festa da Mini Saia para ferver a Las Vegas e receber a mulheres mais linda do swing carioca de sainha, e quem sabe, sem calcinha!!!

Para maiores detalhes clique na aba com o nome da festa no menu acima desta postagem; lembrando que transmitimos a festa ao vivo direto da boate a partir das 22 horas pela Rádio Sexo Com Pimenta que é parte integrante da comunidade adulta e liberal mais picante da net. www.sexocompimenta.com

Convidamos a todos vocês leitores, para baixarem grátis o nosso aplicativo que vai colocar você por dentro das nossas festas diretamente no seu celular, os links estão disponíveis no menu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário